Corra que a Policia vem aí!

Na ultima semana as ruas de São Paulo mais uma vez se intoxicaram com o suave aroma dos gases proporcionados pelo democrático governo de São Paulo. 
E a semana não poderia ter começado diferente... 

O ato começou tranquilo com concentração na Avenida Paulista, em frente ao Museu de Arte de São Paulo (MASP). 
Diferente dos outros atos, que ocorreram na semana anterior, havia poucos policiais. O trajeto já tinha sido divulgado em um evento no Facebook onde dizia que o encerramento se daria no Largo da Batata na zona oeste de SP.
Após uma longa caminhada um grande grupo de manifestantes chegou ao destino final e se concentrou em frente ao largo onde aguardava o restante do ato que ainda descia a Avenida Rebouças.
O desfecho foi uma trágica e massacrante ação da polícia militar que dispersou os manifestantes com inúmeras bombas de gás, tiros de bala de borracha e com o mais novo brinquedo das forças de repressão do estado, um blindado com jato de água que custou aproximadamente 5 milhões de reais em dinheiro público.