Ensaio Coletivo

Para tirar um pouco o foco sobre os jogos Olímpicos e dos problemas a eles associados, o Ensaio Coletivo vai apresentar o trabalho da Danielle Quartarolli. Aluna da Escola Fullframe, realizou como trabalho de conclusão de curso um forte ensaio sobre um mal que assombra o país.
Eis o que Danielle apresenta.

"A partir de experiências pessoais e de relatos de mulheres em situação de violência doméstica e tratamento psiquiátrico, constatei que apesar de se tratar de assuntos distintos, esses dois temas andam lado a lado e são inerentes ao universo feminino.
Pretendo mostrar como essas duas questões se misturam e se tornam uma só dentro da cabeça da mulher.

Em uma situação de violência doméstica, a loucura é a única explicação que encontramos para tentar explicar a situação bizarra que é ser agredida por aquele que se ama.

Quem é ela depois de agredida? O que sobra dela? O que ainda faz parte do corpo, da vida, da casa dela?

“Depois de algo assim, perdemos tudo, inclusive a dignidade, a identidade.”

O movimento retratado nas fotos não é apenas do corpo. É da mente, é do tempo. A mente, inquieta, contrasta com as evidências reais do abuso latente.

Culpa, medo, dor, amor, ódio, pânico, desespero.

Imaginamos que o sofrimento da mulher acaba com a denúncia. O processo de reestruturação e empoderamento da mulher não é tão libertador e tranquilo quanto parece.

“A maior marca não é aquela que está no rosto. Essa dá para esconder com maquiagem e depois de um tempo passa. A pior marca é aquela que fica dentro da gente.”

Siga Danielle no Instagram

Siga a Fullframe no Instagram