#VIDA DE R.U.A 17

Hoje o vida de R.U.A é do Aldo Viana do interior do Rio de Janeiro , Campos dos Goytacazes.

BRINCADEIRA DE CRIANÇA

Fui convidado a participar de um evento na comunidade da Portelinha, na minha cidade, Campos dos Goytacazes. O evento se chamava MUTIRÃO NÓS POR NÓS, organizado por um grafiteiro amigo meu, e tinha o apoio de mais alguns grafiteiros da mesma cidade. Todos meus amigos, que fiz ao longo da vida, e ainda, quando grafitava também. Ainda contamos com a presença de diversos artistas de outras cidades e estados.
Enfim, fui ser voluntário. Fotografei os dois dias de eventos, o processo criativo dos artistas e as etapas do evento de acordo como iam acontecendo. 

Em uma comunidade onde o órgão do estado que mais atua é a policia, levar a arte até aquelas crianças em forma de diversão, foi gratificante e também preocupante por saber que muitas delas não terão oportunidades de conviver com algo que não seja diferente do contexto ao qual estão inseridas, que é marcado pela desigualdade. 

Apesar de ser criado em comunidade, em sempre conviver com a mesma realidade que essas crianças convivem, na minha época era um pouco diferente, vamos dizer, mais calmo. Eu fiquei as vezes sem reação com algumas cenas que vi, ou melhor, tive apenas uma reação, clicar! 

Essas fotos flagrantes que tirei refletem bem a realidade das crianças, que até mesmo em sua mais pura inocência brincam de refletir a realidade em que vivem.

Toda criança tem o direito de brincar, de sorrir, mas também tem o direito de ter uma educação digna, de conhecer a arte, a cultura e o esporte. Através disso, as portas do mundo se abrirão para elas, e não será pela força!

Vamos manter o foco e mostrar as crianças que existem outras saídas, outras "brincadeiras", e assim poderemos um dia pensar em um país melhor, com menos violência. Não podemos deixar tudo isso passar de uma "Brincadeira de Criança".